Econobytes abre inscrições para minicurso de R
 
A Econobytes é um projeto de ensino voltado para a área de economia do Instituto de Ciências Econômicas, Administrativas e Contábeis (Iceac). O projeto visa ofertar minicursos onde os alunos serão ensinados a analisar e usar as ferramentas das tecnologias mais usuais do mercado. Esse saber é requisito básico para qualificar o currículo profissional, visto que entender as linguagens de programação e as funcionalidades dos softwares de análise se torna um grande diferencial, já que são aplicáveis em diversas carreiras.
 
Os cursos serão compostos por aulas práticas e ministrados por profissionais na área. O quarto minicurso ofertado será de R, considerado essencial para se ter um bom embasamento no mundo dos softwares mais avançados. O minicurso ocorrerá em dois dias: a primeira aula será em 27 de março e a segunda aula no dia 10 de abril.
 
As inscrições para o minicurso deverão ser realizadas pelo Sinsc. As vagas serão abertas para toda a universidade, dando prioridade para os alunos do curso de graduação. Vale ainda ressaltar que as vagas serão limitadas, lembrando que os cursos serão gratuitos e com certificado de conclusão que poderão ser utilizados como horas complementares. Serão 35 vagas para alunos de graduação e 15 vagas para alunos de pós-graduação e mestrado.
 
As inscrições para o curso de R ocorrem entre os dias 11 e 19 de março. Para se inscrever, acesse https://sinsc.furg.br/detalheseventos/1383. Mais informações sobre o projeto Econobytes podem ser acessadas neste link https://linktr.ee/econobytes e no perfil do Instagram https://www.instagram.com/econobytes/.

GRUPO DE ESTUDOS DE CONJUNTURA ECONÔMICA PROMOVE SUAS ATIVIDADES EM TEMPOS DE PANDEMIA.

 

O GECE é um grupo de estudos que surgiu em 2017 a partir da iniciativa de estudantes da graduação do curso de economia da FURG. Vinculado ao Instituto de Ciências Econômicas, Administrativas e Contábeis (ICEAC), o grupo logo ganhou visibilidade entre os discentes e apoio dos professores. A primeira frente de trabalho desenvolvida pelo grupo, consiste em acompanhar a conjuntura econômica nacional e internacional, analisando os principais indicadores da economia, enquanto que a segunda frente atua na área de economia do meio ambiente (grande inovação do GECE).

Nesse período de pandemia, o grupo também vem desenvolvendo uma série de atividades que buscam difundir e ampliar as discussões a partir dos acontecimentos recentes da economia global. Coordenado pelos professores Rodrigo da Rocha Gonçalves e Cassius Rocha de Oliveira, o grupo promoveu ao longo do ano letivo 7 encontros virtuais (denominados Macro Meeting) para difundir um amplo diálogo acerca dos principais acontecimentos econômicos que abrangem a atividade econômica, níveis de inflação, políticas fiscais e monetárias, mercado de trabalho, temas ambientais e economia internacional.

''Os seminários virtuais foram um sucesso para o crescimento do grupo. Além disso, através de nossas redes sociais, conseguimos atingir pessoas de diferentes regiões e estados com publicações interativas sobre economia. Finalizamos o ano com 26 membros ativos, sendo 3 professores, 4 mestrandos (PUC-RS, UFPE e FURG), 14 estudantes de economia da FURG, 2 estudantes já graduados pela FURG e 3 estudantes de economia de outras instituições (PUC-RS, UFPR e UFPI). Publicamos 3 boletins macroeconômicos e 1 boletim econômico-ambiental. Por fim, também lançamos o Painel Macro, que é uma central interativa sobre a situação econômica do país'', destacou o presidente do grupo, André Luis Zorzi.

Cabe destacar que o grande diferencial do GECE é ser um grupo de conjuntura formado em grande parte por discentes da Universidade, isso possibilita um contato dos participantes com atividades de ensino, pesquisa e extensão. 

Ademais, o GECE vem trabalhando para expandir suas análises com foco na Economia Regional e Local, nesse sentido, a partir de 2021 deve produzir o primeiro boletim de conjuntura econômica regional, buscando demonstrar a evolução da economia e a estrutura produtiva da região.    

Mais informações sobre o projeto do GECE podem ser acessadas em suas redes sociais:

Instagram: @gecefurg

Facebook: GECE FURG

LinkedIn: GECE- Grupo de Estudos de Conjuntura Econômica

Painel Macro: https://painel.gecefurg.com.br/dashboard.html

 

   

 

ICEAC divulga resultado do edital 001/2020 para contratação de Professor Visitante 

 

O Instituto de Ciências Econômicas, Administrativas e Contábeis - ICEAC divulga o resultado do Edital 001/2020 para contratação de Professor Visitante:

 

Resultado clique aqui

Grupo de Pesquisa Organizações e o Desenvolvimento Econômico e Social (ODES) lança sua webpage

 

O Grupo de Pesquisa: Organizações e o Desenvolvimento Econômico e Social (ODES) constituído pelos professores Guilherme Wiedenhoft, Luis Carlos Schneider e Vanessa Martins Pires lança sua webpage: https://odes.furg.br.

Nela é possível ter acesso às linhas de pesquisa estudadas pelo grupo, projetos ativos e finalizados e as principais publicações em periódicos científicos.

 

 

Econobytes abre inscrições para Curso de Python para economistas 

 

A Econobytes é o mais novo projeto de ensino voltado para a área de economia do Instituto de Ciências Econômicas, Administração e Contábeis (Iceac). O projeto visa ofertar minicursos onde os alunos serão ensinados a analisar e usar as ferramentas das tecnologias mais usuais do mercado. Esse saber é requisito básico para qualificar o currículo profissional, visto que entender as linguagens de programação e as funcionalidades dos softwares de análise se torna um grande diferencial, já que são aplicáveis em diversas carreiras. Nesse sentido, pode-se dizer que a obtenção desses conhecimentos é algo necessário para se adequar às novas exigências do mercado de trabalho. 

Os cursos serão compostos por aulas práticas e ministrados por profissionais na área. O terceiro minicurso ofertado será de Python, que é essencial para ter um bom embasamento nesse mundo de softwares. O minicurso ocorrerá em dois dias: a primeira aula será em 14 de novembro e a segunda aula no dia 28. 

As inscrições para o minicurso deverão ser realizadas pelo Sinsc. As vagas serão abertas para toda a universidade, dando prioridade para os alunos do curso de graduação e mestrado de economia. Vale ainda ressaltar que as vagas serão limitadas, lembrando que os cursos serão gratuitos e com certificado de conclusão que poderão ser utilizados como horas complementares. Serão 35 vagas para Economia (graduação e pós-graduação) e 15 vagas para qualquer outro curso da FURG (graduação e pós-graduação).  

As inscrições para o curso de Python ocorrem entre os dias 2 e 6 de novembro.  

Para se inscrever, acesse: https://sinsc.furg.br/detalheseventos/1332 

Mais informações sobre o projeto Econobytes podem ser acessadas neste link: https://linktr.ee/econobytes e no perfil do Instagram https://www.instagram.com/econobytes/ .